Baú da Dublagem Matérias

Baú da Dublagem: A Gata e o Rato.

A química perfeita entre os atores protagonistas também existia entre os dubladores.


A série foi um grande sucesso no Brasil desde sua estreia no dia 8 de janeiro de 1986, cobrindo as férias de Chico Anysio Show. A aceitação do público fez o programa ganhar um horário próprio dentro da Terça Nobre, onde tornou-se programação obrigatória nas noites de terça. Foi reprisada pelo SBT, mantendo a mesma dublagem da Herbert Richers.

Com qualidade inquestionável, não é a toa que em um país onde a prática da redublagem é comum em favor da qualidade técnica, o mesmo trabalho de adaptação para o português tenha sido mantido nos lançamentos em DVD mais de 20 anos depois. Priorizaram a qualidade artística.

O segredo do sucesso de A Gata e o Rato também estava nos diálogos entre os personagens principais, discussões calorosas, que só atores do porte de Cybill Shepherd e Bruce Willis poderiam protagonizar. No Brasil, a química entre Sumára Louise e Newton da Matta fez a diferença numa época em que ainda se dublava contracenando com o colega no estúdio, eles deram um show!

Até hoje Sumára Louise é conhecida no prédio onde mora como “a gata”, tudo porque a identificaram pela voz numa época em que o seriado estava fazendo um tremendo sucesso no Brasil. Ela também se encarregou da direção de dublagem do seriado. Newton da Matta tonou-se o eterno Bruce Willis brasileiro, emprestando sua voz ao ator em quase todos os filmes dele desde que o fez no seriado. Até sua morte em 2006 era a voz oficial do Willis no Brasil.


Inicialmente o título da série não foi traduzido, assim cabia a Ricardo Mariano a leitura original pronunciando Moonlighting. Só nos episódios seguintes é que ele já pronunciava a tradução, A Gata e o Rato, que se tornou popular entre os fãs da série.

Leia Também:  Heróis Modestos tem trailer dublado lançado pela Netflix.

Confira abaixo os elencos de vozes no Brasil:


Maddie Hayes
(Cybill Shepherd)
Sumára Louise


David Addison Jr.
(Bruce Willis)
Newton da Matta


Agnes DiPesto
(Allyce Beasley)
Maria da Penha


Herbert Quentin Viola
(Curtis Armstrong)
Eduardo Borgert

Izaías Correia
Izaías Correia
Professor, roteirista e web-designer, responsável pelo site InfanTv. Também é pesquisador da dublagem brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *